SETOR DE CIÊNCIAS EXATAS

Bem-vindo à página do Setor de Ciências Exatas

O Setor de Ciências Exatas da Universidade Federal do Paraná (UFPR) tem como principal característica a atuação em ciências básicas, através de seus seis departamentos: Estatística, Expressão Gráfica, Física, Informática, Matemática e Química.

Nota oficial do Setor de Ciências Exatas à Comunidade Universitária sobre os arrombamentos em seus espaços

O Setor de Ciências Exatas, ainda perplexo com a atitude da administração central, através da Suinfra, na ocupação forçada do espaço sob sua responsabilidade, esclarece que tem envidado todos os esforços na evolução da cessão de parte de seu espaço, seguindo cronograma proposto no processo 23075.161643/2016-26, com ciência e tramitação do Setor de Tecnologia e da Reitoria.

O Setor de Ciências Exatas repudia veementemente o uso da força e entende que as ações da Suinfra foram completamente desproporcionais, além de desnecessárias, já que os espaços estavam sendo liberados à medida que se tornava possível a adequada instalação dos gabinetes e demais unidades no novo prédio da Exatas. Até o momento da invasão já tinhamos concluído o repasse de todo o espaço previsto no 4o andar.

O Setor de Exatas entende como seletiva e parcial a divulgação do contido no ofício 495/16, do gabinete do reitor, que dá diretivas para ambos os setores, citando somente o item que diz respeito à Exatas e ignorando as obrigações do Setor de Tecnologia.

O Setor de Exatas ressalta a inobservância do Art. 37 do Estatuto da UFPR que determina: “São atribuições do diretor (de setor): I- praticar os atos necessários à administração da área setorial de sua jurisdição;”. A Suinfra assume competências que não estão descritas nem no regimento geral da Universidade e nem em seu Estatuto ao afirmar, em ofício, que se sua unidade é hierarquicamente superior ao setor de Ciencias Exatas, num claro desconhecimento do organograma da UFPR e das boas práticas que envolvem as relações entre suas unidades.

O Setor de Ciencias exatas nega a afirmação do Superintendente de que seus ofícios foram ignorados. Esse setor sempre enviou resposta através do processo 23075.161643/2016-26, que voltamos a enfatizar, tem norteado todo o processo de cessão de espaços.

A seguir, disponibilizamos um breve histórico dos acontecimentos:

A 663ª reunião do conselho Setorial do Setor de Ciências Exatas estabeleceu a proposta de cessão dos 3o e 4o andares do Edifício da Administração no Centro Politécnico. Como parte integrante do processo 23075.161643/2016-26 a proposta foi encaminhada ao gabinete do reitor em 14/10/2016 e ao diretor do Setor de Tecnologia em 01/11/2016.

Em setembro de 2016, seguindo o cronograma, teve início a mudança do 4o andar.

No dia 21/10/2016 o chefe do Departamento de Engenharia da Produção, atestou o recebimento das salas cedidas pela Exatas no 4o andar.

No mês de dezembro iniciou-se a mudança do 3o andar, prejudicada em seu cronograma pela interrupção dos contratos das empresas terceirizadas, entre elas as que auxiliavam o transporte e o depósito do patrimônio. O Comunicado do dia 15 de dezembro da PRA informa a INTERRUPÇÃO DO SERVIÇO DE RECOLHIMENTO AO DEPÓSITO DE INSERVÍVEIS.

Em fevereiro de 2017 o chefe do Departamento de Engenharia da produção ocupou uma das salas do 3o andar.

Em 22 de fevereiro de 2017 o Superintendente da Suinfra enviou o ofício 077/2017 ao Setor de Exatas fixando o prazo de 03 de março de 2017 para “a entrega de TODAS as chaves das dependências do 3o andar OCUPADAS OU DESOCUPADAS”. Observe-se que entre o dia 22/02/2017 e 03/03/2017 existem 4 dias uteis devido ao recesso de carnaval.

Em 23 de fevereiro de 2017 o Setor de Ciências Exatas enviou o ofício 014/2017 ao Superintendente da Suinfra informando da “IMPOSSIBILIDADE DE ATENDER O PRAZO ESTABELECIDO” e que realizará a entrega das chaves após a conclusão do processo de mudança.

No dia 02/03 a SUINFRA inexplicavelmente ARQUIVOU o processo 23075.161643/2016-26 com todos os ofícios de troca de informação entre as unidades.

Em 06 de março de 2017 o Superintendente envia o ofício 092/2017 que “assumirá a posse das dependências do 3o andar”.

Nesse mesmo dia  as 9:00 o superintendente, pessoalmente, acompanhou o arrombamento de 28 salas do Setor de Ciências Exatas, várias com objetos pessoais, computadores e moveis patrimoniados e sob responsabilidade de servidores da Exatas. Apesar de várias tentativas, por parte desse direção, a reitoria não interrompeu os arrombamentos.

As 12:59 a direção da Exatas comunicou à Reitoria, por e-mail, os arrombamentos e solicitou providências urgentes.

As 16:31 o Reitor, Ricardo Marcelo Fonseca respondeu por e-mail que “irá verificar detalhes dos fatos agora informados”.

As 18:00 os arrombamentos são concluídos.

Ainda no dia 06/03, a Direção do Setor de Ciencias Exatas solicitou a abertura de processo Administrativo Disciplinar junto a PROGEPE para apuração da responsabilidade sobre os fatos ocorridos.

 

 

Curitiba, 10 de março de 2017.

Direção do Setor de Ciencias Exatas

UM DIA NA MATEMÁTICA

No próximo dia 12 de agosto de 2016, sexta-feira, das 9h às 17h, ocorre no Centro Politécnico o evento ‘Um dia na Matemática’, organizado pelo PET-Matemática.
A TV da UFPR produziu um vídeo informativo sobre a programação:

https://www.youtube.com/watch?v=fBUPBZ0UlB8

O objetivo é trazer estudantes do 3o ano do Ensino Médio para conhecer, e vivenciar como é um dia no curso de Matemática.

Tanto o programa quanto a forma de inscrição estão disponíveis no site do evento:

http://www.petmatematica.ufpr.br/umdianamatematica.html

Os estudantes que se inscreverem até o próximo domingo, 07/08, poderão ter acesso ao Restaurante Universitário almoçando ao preço de R$ 6,00 (seis reais).

XII – Brincando de Matemático – 2016

O Departamento de Matemática e o PET – Matemática promoveram a décima segunda edição do “Brincando de Matemático”, que ocorreu de 19 a 22 de julho no Setor de Ciências Exatas da UFPR. O Evento aproxima universidade e alunos do ensino médio por meio de atividades que despertam o interesse e buscam desmistificar a matemática aos estudantes.

Maiores detalhes seguem nos links abaixo, contendo um vídeo e o material divulgado o evento.

https://www.youtube.com/watch?v=KRhabUtg93U

http://www.petmatematica.ufpr.br/brincando.html

XX ENCONTRO BRASILEIRO DE TOPOLOGIA

Os Encontros Brasileiros de Topologia tiveram início em 1979 e vêm sendo realizados desde 1980 a cada 2 anos. Eles têm a característica de oferecer atividades de nível avançado para os pesquisadores/doutorandos e também atividades de nível médio para alunos de mestrado/início de doutorado.

Os objetivos do Encontro são:

Incentivar e fortalecer (mais…)

Professor Aldo Zarbin Assume Presidência da Sociedade Brasileira de Química

No dia 02/06/2016 o Prof. Aldo Zarbin, do Departamento de Química, assumiu a presidência da Sociedade Brasileira de Química (SBQ) para o biênio 2016-2018. A SBQ é uma das maiores sociedades científicas do Brasil e a maior de Química da América Latina. O Prof Aldo já havia sido Diretor da Divisão de Química de Materiais da SBQ de 2008 a 2010. Doutor em Química pela Universidade Estadual de Campinas (1997), o Prof. Aldo realizou Pós Doutorado no Laboratório Nacional de Luz Síncrotron (1997-1998).
No Departamento de Química da Universidade Federal do Paraná é líder o Grupo de Química de Materiais (GQM), desenvolvendo pesquisas relacionadas à síntese, caracterização, estudo de propriedades e aplicações de materiais em escala nanométrica, como nanotubos e outras formas de carbono, nanocompósitos, nanopartículas metálicas, vidros porosos, polímeros condutores e óxidos de metais de transição.

Registramos aqui nossos parabéns ao Prof. Aldo pelo reconhecimento de sua competência científica, certos de seu sucesso frente à SBQ.

Projetos de Pesquisa contemplados no Edital INCTs – Institutos Nacionais de Ciência e Tecnologia

O Ministério da Ciência, Tecnologia e Inovação (MCTI) e o Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico (CNPq) divulgaram o dia 11/05 a relação dos projetos de pesquisa que receberam recomendação para financiamento no Edital INCTs (Institutos Nacionais de Ciência e Tecnologia).

Do total de 345 propostas submetidas, 252 foram selecionadas na fase inicial. Todas as 345 propostas foram avaliadas por, no mínimo, três consultores ad hoc internacionais e posteriormente pelo Comitê Julgador, que esteve reunido na sede do CNPq no período de 25 a 28 de abril de 2016.

A lista dos contemplados, e seus respectivos proponentes, encontra-se no link:

http://cnpq.br/documents/10157/4799292/INCTS+RESULTADO+FINAL+12052016+.pdf/a366b975-1413-4309-a2cb-fd8de3ea57e1

Esse foi o maior edital da história do CNPq, com R$ 641,8 milhões destinados a pesquisadores de reconhecida competência e capacidade para liderar projetos complexos.

Parabenizamos aos Professores: Ivo Hummelgen, Lucimara Roman e Alice Grimm, do Departamento de Fisica; Aldo Zarbin, Elisa Orth, Luiz Humberto Marcolino Jr e Marcio Bergamini, do Departamento de Química; Aldri Santos e Michele Nogueira do Departamento de Informática; Yuan Jin Yun do Departamento de Matemática que tiveram projetos contemplados nesse edital.

Professora do Departamento de Química recebe prêmio internacional em Paris

ElisaNuma cerimônia realizada em Paris no dia 24/03, a Professora Elisa Orth, do Grupo de Catálise e Cinética (GCC) do Departamento de Química da UFPR, recebeu o prêmio da L’Oreal Foundation. Na cerimônia a Profa. Elisa representou as vencedoras do Brasil no Internacional Rising Talents.

A comunidade do Setor de Ciências Exatas felicita a Profa. Elisa por essa importante conquista.

O link a seguir contém mais informações sobre a premiação e uma entrevista
com a Profa. Elisa. https://www.ufpr.br/portalufpr/blog/noticias/professora-elisa-orth-do-departamento-de-quimica-recebe-premio-international-rising-talents-neste-dia-24-em-paris/

Experimentos na UFPR tornam mais fácil aprender física e matemática

Melhorar a compreensão sobre a física e a matemática por meio de aulas experimentais é o objetivo do Fibra: Brincando e Aprendendo. O projeto de extensão do Departamento de Física da Universidade Federal do Paraná (UFPR) demonstra na prática que os fenômenos físicos não são tão complicados quanto parecem. Aulas sobre inércia, movimento, ondas e choques aproximam a teoria do cotidiano dos alunos.

(mais…)

Melhor tese de doutorado em Química do país é da pós-graduação da UFPR

O mestre e doutor em Química pela UFPR, Rodrigo Villegas Salvatierra, recebeu da Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior (Capes) o Prêmio Capes de Tese 2015. A solenidade de entrega ocorreu na noite desta quinta-feira (10), em Brasília, e premiou as melhores teses de doutorado defendidas em 2014. Foram 735 trabalhos inscritos por 86 instituições públicas e privadas de todo o país.

(mais…)

Pesquisadora do Departamento de Química ganha Prêmio Para Mulheres na Ciência

Pesquisadora do Departamento de Química ganha Prêmio Para Mulheres na Ciência

Na tarde do dia 10 de agosto de 2015, a L’Oréal Brasil anunciou as sete vencedoras da 10ª edição do Prêmio Para Mulheres na Ciência, único programa brasileiro voltado às mulheres cientistas, realizado em parceria com a UNESCO no Brasil e com a Academia Brasileira de Ciências (ABC). Dentre elas, está a professora Elisa Orth, pesquisadora do Departamento de Química da UFPR e coordenadora do Grupo de Catálise ​e Cinética (GCC). O prêmio reconhece a qualidade do currículo e o potencial de suas pesquisas, sendo que as homenageadas recebem uma bolsa-auxílio de US$ 20 mil (convertidos em reais), para dar prosseguimento às suas pesquisas.

(mais…)

Visita técnica da CAPES ao programa PIBID

visita da CAPES

Visita da CAPES

No dia 09 de outubro a Universidade Federal do Paraná recebeu o Prof. Helder Eterno da Silveira, representante da CAPES para as políticas de Formação. Nessa ocasião, foram feitas diversas reuniões de trabalhos com os grupos do PIBID – Programa Institucional de Bolsa de Iniciação à docência da UFPR.

Atualmente sob a Coordenação Institucional da prof. Joanez Aires, do Departamento de Química do Setor de Ciências Exatas, o PIBID conta hoje com 16 subprojetos ligados às várias licenciaturas da UFPR, 36 professores da UFPR que atuam como coordenadores de área, 71 Professores da Educação Básica que atuam como supervisores e 503 estudantes da UFPR que são bolsistas de Iniciação à docência.

(mais…)